A PARTIDA OSMAN LINS PDF

De um lado, a avу cheia de zelos; de outro, o neto ansioso para iniciar sua jornada na vida, ansioso por uma "liberdade". Toda a aзгo se dб no dia que antecede a partida. Toda a aзгo se passa na casa da avу do protagonista. O narrador, ao reportar-se а sua juventude, vem nгo sу com a intenзгo de relatar acontecimentos, como tambйm analisб-los com a visгo da maturidade.

Author:Kezuru Kigazshura
Country:Kuwait
Language:English (Spanish)
Genre:Environment
Published (Last):24 July 2012
Pages:496
PDF File Size:4.4 Mb
ePub File Size:6.49 Mb
ISBN:869-4-40760-612-3
Downloads:12843
Price:Free* [*Free Regsitration Required]
Uploader:Vudozshura



A partida Osman Lins Hoje, revendo minhas atitudes quando vim embora, reconheзo que mudei bastante. Verifico tambйm que estava aflito e que havia um fundo de mбgoa ou desespero em minha impaciкncia. Eu queria deixar minha casa, minha avу e seus cuidados. Estava farto de chegar a horas certas, de ouvir reclamaзхes; de ser vigiado, contemplado, querido.

Sim, tambйm a afeiзгo de minha avу incomodava-me. Era quase palpбvel, quase como um objeto, uma tъnica, um paletу justo que eu nгo pudesse despir. Ela vivia a comprar-me remйdios, a censurar minha falta de modos, a olhar-me, a repetir conselhos que eu jб sabia de cor. Era boa demais, intoleravelmente boa e amorosa e justa. Na vйspera da viagem, enquanto eu a ajudava a arrumar as coisas na maleta, pensava que no dia seguinte estaria livre e imaginava o amplo mundo no qual iria desafogar-me: passeios, domingos sem missa, trabalho em vez de livros, mulheres nas praias, caras novas.

Como tudo era fascinante! Que viesse logo. Que as horas corressem e eu me encontrasse imediatamente na posse de todos esses bens que me aguardavam. Que as horas voassem, voassem! Percebi que minha avу nгo me olhava. A princнpio, achei inexplicбvel ela fizesse isso, pois costumava fitar-me, longamente, com uma ternura que incomodava.

Tive raiva do que me parecia um capricho e, como represбlia, fui para a cama. Deixei a luz acesa. Sentia nгo sei que prazer em contar as vigas do teto, em olhar para a lвmpada. Desejava que nenhuma dessas coisas me afetasse e irritava-me por comeзar a entender que nгo conseguiria afastar-me delas sem emoзгo.

Minha avу fechara a maleta e agora se movia, devagar, calada, fiel ao seu hбbito de fazer arrumaзхes tardias. A quietude da casa parecia triste e ficava mais nнtida com os poucos ruнdos aos quais me fixava: manso arrastar de chinelos, cuidadoso abrir e lento fechar de gavetas, o tique-taque do relуgio, tilintar de talheres, de xнcaras.

Apanhou o lenзol e ia cobrir-me gostava disto, ainda hoje o faz quando a visito ; mas pretextei calor, beijei sua mгo enrugada e, antes que ela saнsse, dei-lhe as costas. Nгo consegui dormir. Continuava preso a outros rumores. E quando estes se esvaнam, indistintas imagens me acossavam. Sentei-me na cama, as tкmporas batendo, o coraзгo inchado, retendo uma alegria dolorosa, que mais parecia um anъncio de morte. As horas passavam, cantavam grilos, minha avу tossia e voltava-se no leito, as molas duras rangiam ao peso de seu corpo.

A tosse passou, emudeceram as molas; ficaram sу os grilos e os relуgios. Passava de meia-noite quando a velha cama gemeu: minha avу levantava-se. Abriu de leve a porta de seu quarto, sempre de leve entrou no meu, veio chegando e ficou de pй junto a mim. Com que finalidade? Cobrir-me ainda? Repetir-me conselhos?

Ouvi-a entгo soluзar e quase fui sacudido por um acesso de raiva. Mas eu nгo me parecia em nada com um morto, senгo no estar deitado. Estava vivo, bem vivo, nгo ia morrer. Sentia-me a ponto de gritar. Que me deixasse em paz e fosse chorar longe, na sala, na cozinha, no quintal, mas longe de mim. Eu nгo estava morto.

Afinal, ela beijou-me a fronte e se afastou, abafando os soluзos. Eu crispei as mгos nas grades de ferro da cama, sobre as quais apoiei a testa ardente. E adormeci.

Acordei pela madrugada. A princнpio com tranqьilidade, e logo com obstinaзгo, quis novamente dormir. Inъtil, o sono esgotara-se. Com precauзгo, acendi um fуsforo: passava das trкs. Restavam-me, portanto, menos de duas horas, pois o trem chegaria аs cinco. Veio-me entгo o desejo de nгo passar nem uma hora mais naquela casa. Partir, sem dizer nada, deixar quanto antes minhas cadeias de disciplina e de amor.

Com receio de fazer barulho, dirigi-me а cozinha, lavei o rosto, os dentes, penteei-me e, voltando ao meu quarto, vesti-me. Calcei os sapatos, sentei-me um instante а beira da cama. Minha avу continuava dormindo. Deveria fugir ou falar com ela? Ora, algumas palavras Que me custava acordб-la, dizer-lhe adeus?

Ela estava encolhida, pequenina, envolta numa coberta escura. Toquei-lhe no ombro, ela se moveu, descobriu-se. Quis levantar-se e eu procurei detк-la. Nгo era preciso, eu tomaria um cafй na estaзгo.

Esquecera de falar com um colega e, se fosse esperar, talvez nгo houvesse mais tempo. Ainda assim, levantou-se. Ralhava comigo por nгo tк-la despertado antes, acusava-se de ter dormido muito. Tentava sorrir. Nгo sei por que motivo, retardei ainda a partida.

Andei pela casa, cabisbaixo, а procura de objetos imaginбrios enquanto ela me seguia, abrigada em sua coberta. Eu sabia que desejava beijar-me, prender-se a mim, e а simples idйia desses gestos, estremeci. Como seria se, na hora do adeus, ela chorasse? Enfim, beijei sua mгo, bati-lhe de leve na cabeзa. Creio mesmo que lhe surpreendi um gesto de aproximaзгo, decerto na esperanзa de um abraзo final.

Esquivei-me, apanhei a maleta e, ao fazк-lo, lancei um rбpido olhar para a mesa cuidadosamente posta para dois, com a humilde louзa dos grandes dias e a velha toalha branca, bordada, que sу se usava em nossos aniversбrios. Publicou seu primeiro romance, O visitante, em e, em , Os gestos. Estreou peзa de sua autoria, Lisbela e o prisioneiro, no Rio de Janeiro, em No mesmo ano, editou o romance O Fiel e a Pedra.

Em seguida viajou para a Europa como bolsista da Alliance Franзaise. Em , transferiu-se para Sгo Paulo. Publicou, em , Nove, novena, narrativas e Um mundo estagnado, ensaios sobre livros didбticos de portuguкs e a peзa Guerra do "Cansa-Cavalo". Em , ingressou no ensino superior como professor de Literatura Brasileira. Em , publica Avalovara, romance, traduzido posteriormente para o espanhol, francкs e alemгo.

Obtйm o grau de Doutor em Letras pela Faculdade de Filosofia e Letras de Marнlia , com a tese "Lima Barreto e o espaзo romanesco", publicada em Foi professor titular de Literatura Brasileira na Faculdade de Filosofia Ciкncias e Letras de Marнlia SP atй , quando deixa o ensino universitбrio dedicando-se exclusivamente а atividade de escritor.

Obras do autor: O visitante romance, Os gestos contos, O fiel e a pedra romance, Marinheiro de primeira viagem notas de viagem, Lisbela e o prisioneiro teatro, Nove, Novena narrativas, Um mundo estagnado ensaio, "Capa Verde" e o Natal teatro infantil, Guerra do "Cansa Cavalo" teatro, Guerra sem testemunhas: o escritor, sua condiзгo e a realidade social ensaio, Avalovara romance, Santa, automуvel e soldado teatro, Lima Barreto e o espaзo romanesco ensaio e A Rainha dos Cбrceres da Grйcia , romance.

A partir de , comeзa a colaborar ativamente na imprensa e a escrever para televisгo, alйm de redigir ensaios em colaboraзгo com Julieta de Godoy Ladeira: Do Ideal e da Glуria e Problemas Inculturais Brasileiros.

Faleceu em Sгo Paulo a 8 de julho de Aguardamos dos amigos leitores crнticas, comentбrios e sugestхes.

A todos, muito obrigado. Arnaldo Nogueira Jъnior.

E6410 ATG PDF

A partida, de Osman Lins

Bernardo Kaiser rated it liked it Mar 11, To ask other readers questions about Avalovaraplease sign up. Avalovara by Osman Lins. Avalovara by Osman Lins 1 star ratings Brochurapages. He graduated from the University of Recife in with a degree in economics and finance, and held a position as bank clerk from until No trivia or quizzes yet. Carlos Hirsch rated it it was amazing Jan 07, He graduated from the University of Recife in with a degree in economics and finance, and held a position as bank clerk from until Bruno Oliveira rated it really liked it Nov 17, To see what your friends thought of this book, please sign up. Marcia rated it really liked it Feb 03, Scoutaccount rated it liked it Nov 13, Lorena Timo rated it it was amazing Sep 21, This book is not yet featured on Listopia. This book is not yet featured on Listopia.

FARBCODETABELLE WIDERSTAND PDF

A partida – Conto de Osman Lins

.

Related Articles